Garota de programa pula do segundo andar após ser agredida em motel

O socorro foi acionado e a vítima encaminhada à Santa Casa pela Unidade de Suporte Avançado (USA).

Publicado em 10/14/18, 10:57 AM

Garota de programa pula do segundo andar após ser agredida em motel

Nesta madrugada a Polícia Militar foi acionada para atender a uma ocorrência de agressão contra uma mulher em um motel, na Vila Isabel, em São Carlos. O acusado é um estudante de 30 anos.

Chegando ao local os policiais militares encontraram a vítima caída do lado externo de onde ficam os quartos. Ela estava com a cabeça sangrando e quase inconsciente, com dificuldades de se comunicar.

O socorro foi acionado e a vítima encaminhada à Santa Casa pela Unidade de Suporte Avançado (USA).

Os policiais foram até o quarto onde ela estava hospedada e encontraram um segurança ordenando para que o estudante abrisse a porta. Diante da negativa, foi necessário o arrombamento.

O acusado alegou que teria tentado impedir a queda da mulher, porém não explicou o motivo de não querer abrir a porta.

Funcionários do motel disseram que ouviram uma discussão no quarto que durou por mais de meia hora. Segundo eles, a vítima era agredida e gritava que queria sair e era impedida.

Ouvida pelos policiais na Santa Casa, a vítima alegou que é garota de programa e após a realização de um programa com o estudante, ele não quis pagar o valor combinado, o que gerou uma discussão.

O estudante desferiu socos na barriga da mulher que desesperada pulou a janela do segundo andar e caiu sobre um portão, depois bateu a cabeça fortemente no chão.

O acusado, que seria casado, foi autuado em flagrante pelo crime de cárcere privado e lesão corporal. Como não pagou a fiança estipulada em R$ 5 mil, foi recolhido ao Centro de Triagem. O carro que estava na garagem do motel foi recolhido.

 FONTE : SAOCARLOSAGORA 
 

Comentários